Pular para o conteúdo principal

Frigorífico de Miguel Calmon-BA é multado em R$ 50 mil por abater jumentos sem licença ambiental


Habilitado pelo Governo da Bahia para abater jumentos no estado, o Frigorífico Frigocezar, de Miguel Calmon (no centro norte), foi multado em R$ 50.000 por realizar a atividade sem licença ambiental e não cumprir condicionantes ambientais. A multa foi aplicada pelo Inema (orgão estadual ambiental), após pedido de vistoria no frigorífico por parte do MPE (Ministério Público Estadual), que recomendou a paralisação da atividade, o que aconteceu em 16 de julho, oito dias depois dos abates terem sido iniciados. De acordo com o MPE, nesse período foram mortos 978 jumentos e não 300, como vinha divulgando o Governo da Bahia e o próprio Frigocezar.

A ação foi realizada com base na Portaria Estadual nº 255/2016, que define os critérios para o abate de equídeos na Bahia. O governo pretendia abater até outubro 2.000 animais, com a intenção de exportar o couro para a China e da carne fazer ração para animais do zoológico de Salvador. Acontece, porém, que a licença ambiental que o frigorífico de Miguel Calmon possui, dada pelo Inema em 31 de julho de 2012, se refere ao “abate, beneficiamento e resfriamento com capacidade instalada de 99 animais/dia, entre bovinos, caprinos e suínos, contemplando unidades de graxaria, caldeira, crematório e ETE [estação de tratamento de esgoto]”.

O promotor que investiga o caso, Pablo Almeida, de Miguel Calmon, disse que “a licença ambiental do Frigocezar não abrange a atividade de abate de equídeos [jumentos e muares], muito menos de salga de peles”. No início da realização dos abates, a Seagri (Secretaria de Agricultura da Bahia), havia divulgado que os abates contavam com a inspeção de cinco médicos veterinários da Adab (Agência de Defesa Agropecuária da Bahia), que “garantiram o cumprimento de todas as exigências higiênico-sanitárias e de bem-estar animal”.

Para o promotor Pablo Almeida, “a Adab somente poderia autorizar determinado empreendimento caso este passasse por essa análise prévia do Inema, já que me parece um antecedente lógico necessário”. Em um anota curta, o Frigocezar informou que “todas as medidas acordadas com o Inema estão sendo cumpridas”, e que “a empresa reafirma seu compromisso com o bem-estar animal, com a segurança dos seus funcionários e da comunidade na qual está inserida”. “O Frigocezar ratifica ainda que a segurança ambiental é um valor essencial para sua operação”.

A Seagri, por sua vez, declarou que “na ocasião em que o Frigocezar recebeu autorização para o abate possuía licença ambiental, concedida pelo órgão responsável”, mas não enviou cópia de documento que comprovassem esta afirmação.



Fonte: Aratu Online

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Janelas podem ter causado mutilações nas crianças vítimas do acidente em Piritiba

O chefe do plantão do Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), o médico Juliano Queiroz, afirmou ao Acorda Cidade que as mutilações nas crianças vítimas do acidente com o ônibus que capotou por volta das 8h30 de quinta-feira (12), na BA-241, em um trecho da cidade de Piritiba, região da Chapada Diamantina, podem ter sido provocadas pelas janelas de vidro do ônibus, que funcionaram como uma espécie de guilhotina. Ele ainda disse que devido à tragédia, a equipe médica precisou ser reforçada.

“Nossa especialidade é trauma, então a gente tem uma equipe grande e vieram mais profissionais que estavam de folga para ajudar nessa tragédia. Médicos que já trabalham aqui, profissionais de enfermagem, foram acionados e vieram prestar o apoio. Foi um plantão bastante agitado, mas conseguimos fazer a nossa parte”, ressaltou.

O HGCA recebeu 28 vítimas do acidente. Além do HGCA, também prestaram o atendimento inicial de parte das vítimas da tragédia os hospitais de Piritiba e de Salvador. Cinco pes…

Helicóptero da Polícia Militar da Bahia dará suporte às vítimas do acidente com ônibus da Emtram em Piritiba

(Imagem ilustrativa)
Ainda não há o numero exato de vítimas do acidente com ônibus da empresa EMTRAM, ocorrido na manhã desta quinta-feira (12) feriado do dia das crianças na rodovia BA-421, nas proximidades da cidade de Piritiba.

Já está confirmado que os passageiros são da cidade de Itaberaba e estavam em uma viagem fretada para passar o feriado em uma excussão na cidade de Jacobina.

Entre os feridos há muitas crianças.

Em Nota Pública divulgada na manhã de hoje, a prefeitura de Itaberaba informou que está tomando todas as medidas cabíveis e necessárias para prestar auxílio às famílias da vítimas, diante da lamentável notícia do acidente envolvendo um ônibus particular, da empresa EMTRAM, que estava realizando uma excursão com destino à cidade de Jacobina

O prefeito RICARDO MASCARENHAS e o secretário Municipal da Saúde, JOÃO RODRIGUES JR., estão em contato direto com o prefeito e o secretário Municipal de Saúde da cidade de Piritiba, onde aconteceu o acidente…

Assaltos no povoado de Umbuzeiro

No início da tarde desta terça-feira, 26 de setembro de 2017, por volta das 13hs, elementos armados em um carro ainda não identificado, assaltaram pessoas no povoado de Umbuzeiro, município de Mundo Novo BA.

Segundo informações, os elementos levaram celulares e dinheiro de um comércio e pertence das vítimas, em um bar, levaram a chave do veículo do proprietário do estabelecimento, onde efetuaram furtos.


Ainda de acordo com informações, antes de passarem no povoado de Umbuzeiro, eles teriam assaltado um ônibus escolar, que transporta estudantes para o distrito de Alto Bonito, levando dinheiro, celulares, carteiras

Assim que o outro ônibus que escolar que vinha de Mundo Novo,  ficou sabendo do assalto, alunos adentraram mato a dentro com medo de que o pior viesse acontecer, aonde os elementos não chegaram a efetuar qualquer ação.

Lembrando que são dois ônibus escolar que se dirige até o município, e um outro que transporta alunos de Alto Bonito para Umbuzeiro.

Aguarde mais detalhes, e…