Pular para o conteúdo principal

Incidência de raios será maior no Brasil neste ano.


A primavera deste ano começou com mais descargas elétricas em relação a 2015. Só para se ter uma ideia, mais de 30 mil raios já foram registrados apenas no Estado de São Paulo nas primeiras semanas de outubro.

Segundo a estimativa do ELAT (Grupo de Eletricidade Atmosférica) que é ligado ao INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), mais de dois mil raios devem atingir o Estado por dia durante a estação.

O Brasil é campeão de descargas elétricas, com cerca de 50 milhões por ano, por ser um país de zona tropical, onde o clima é mais quente e úmido. As cidades brasileiras com maior concentração de descargas elétricas são Porto Real com 19 raios por km², Barra do Piraí com 18 raios por km² e Valença com 17 raios por km², todas no Estado do Rio de Janeiro.

De acordo com a Somar Meteorologia, a temperatura das águas superficiais no Oceano Pacífico Equatorial impacta nas condições climáticas em todo o mundo, inclusive na incidência de raios no país.

“A descarga elétrica acontece por conta da colisão de cristais de gelo e pela ação do vento que é muito intenso e passa dos 100 km/h dentro das nuvens. Como o Pacífico está mais frio, a atmosfera de uma forma geral está menos quente em relação ao ano passado, quando as nuvens tinham menos gelo. Desta vez, elas estão mais carregadas eletricamente não apenas no Centro-Sul, mas no Brasil como um todo”, explica o meteorologista Celso Oliveira.

Por isso, todo cuidado é pouco nesta primavera. Os dados do ELAT apontam que 33% das mortes por raios acontecem durante a estação, que fica apenas atrás do verão, com 43% de vítimas fatais.

Saiba como se proteger

As consequências de uma descarga elétrica podem ser diversas, como queimaduras e outros danos aos pulmões, ao coração, sistema nervoso central e às demais partes do corpo podendo até levar à morte.

Se uma pessoa estiver sem abrigo e sentir os pelos do corpo arrepiados ou que a pele começou a coçar, isto pode indicar a proximidade de que um raio está prestes a cair. Neste caso, é recomendável que a pessoa fique ajoelhada e curvada para frente, colocando as mãos nos joelhos e a cabeça entre eles.

Confira mais dicas de como se proteger contra os raios, conforme as recomendações do INPE:

- Não fique nas ruas durante as tempestades. Caso seja necessário, procure abrigos em locais seguros e evite lugares que tenham pouca ou nenhuma proteção;

- Não fique em campo aberto, como praias, campos de futebol ou embaixo de árvores e perto de cercas;

- Não pratique atividades agropecuárias ao ar livre;

- Evite segurar objetos metálicos longos, como varas de pesca, tripés e tacos de golfe;

- Evite usar telefone, a não ser que ele seja sem fio;

- Não fique próximo a tomadas e canos, janelas e portas metálicas, além de tocar em qualquer equipamento elétrico ligado a rede elétrica;

- Atividades como andar a cavalo, nadar e ficar em grupos também não são ideais na hora da tempestade.



Por: Ana Clara Guerra/ Tempo agora

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem é presa pela Polícia Militar em Piritiba, acusada de roubar celular

Por volta das 15h desta segunda-feira, 12 de junho de 2017, Brenda Sampaio de Souza, 18 anos, foi presa pela Polícia Militar em Piritiba, sob acusação de roubo.

Segundo informações, Brenda subtraiu de uma jovem um celular da marca Motorola modelo Moto G3. Após diligências a suspeita de ter cometido o crime foi localizada, bem como o  produto do roubo foi recuperado.

Fonte: Augusto Urgente

Janelas podem ter causado mutilações nas crianças vítimas do acidente em Piritiba

O chefe do plantão do Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), o médico Juliano Queiroz, afirmou ao Acorda Cidade que as mutilações nas crianças vítimas do acidente com o ônibus que capotou por volta das 8h30 de quinta-feira (12), na BA-241, em um trecho da cidade de Piritiba, região da Chapada Diamantina, podem ter sido provocadas pelas janelas de vidro do ônibus, que funcionaram como uma espécie de guilhotina. Ele ainda disse que devido à tragédia, a equipe médica precisou ser reforçada.

“Nossa especialidade é trauma, então a gente tem uma equipe grande e vieram mais profissionais que estavam de folga para ajudar nessa tragédia. Médicos que já trabalham aqui, profissionais de enfermagem, foram acionados e vieram prestar o apoio. Foi um plantão bastante agitado, mas conseguimos fazer a nossa parte”, ressaltou.

O HGCA recebeu 28 vítimas do acidente. Além do HGCA, também prestaram o atendimento inicial de parte das vítimas da tragédia os hospitais de Piritiba e de Salvador. Cinco pes…

Helicóptero da Polícia Militar da Bahia dará suporte às vítimas do acidente com ônibus da Emtram em Piritiba

(Imagem ilustrativa)
Ainda não há o numero exato de vítimas do acidente com ônibus da empresa EMTRAM, ocorrido na manhã desta quinta-feira (12) feriado do dia das crianças na rodovia BA-421, nas proximidades da cidade de Piritiba.

Já está confirmado que os passageiros são da cidade de Itaberaba e estavam em uma viagem fretada para passar o feriado em uma excussão na cidade de Jacobina.

Entre os feridos há muitas crianças.

Em Nota Pública divulgada na manhã de hoje, a prefeitura de Itaberaba informou que está tomando todas as medidas cabíveis e necessárias para prestar auxílio às famílias da vítimas, diante da lamentável notícia do acidente envolvendo um ônibus particular, da empresa EMTRAM, que estava realizando uma excursão com destino à cidade de Jacobina

O prefeito RICARDO MASCARENHAS e o secretário Municipal da Saúde, JOÃO RODRIGUES JR., estão em contato direto com o prefeito e o secretário Municipal de Saúde da cidade de Piritiba, onde aconteceu o acidente…