Pular para o conteúdo principal

Brigões tumultuam encontro de Paredões em Ipirá

O que era para ser uma noite de alegria e descontração, tornou-se alvo de pancadarias e até tiro na Praça Roberto Cintra em Ipirá, na noite deste sábado (25), quando da realização de um encontro de Paredões de Som.

O evento seguiu todas as normas regimentares estabelecidas pela Lei, com ofícios protocolados na Prefeitura, no Fórum e nas Polícias Civil e Militar, determinando um horário das 14 às 00h para a realização do evento. No entanto, o que se viu foi uma sucessão de pancadarias, onde a cada instante os organizadores pediam paz e calma, chegando até ameaçar de encerrar o evento antes do horário determinado, por causa do tumulto.

Jovens lotaram a praça para se divertirem num ambiente de som luz e toda infraestrutura preparada para o evento. Só que há cada momento alguns mais exaltados resolveram estragar a festa com uma sucessão de pancadarias.

Segundo informações, um jovem foi atingido por um tiro, foi socorrido e encaminhado para a Unidade de Pronto Atendimento “UPA”, por uma viatura da Polícia Militar.

A Prefeitura de Ipirá está programando uma grande Micareta para comemorar o aniversário da cidade. Diante do descontrole emocional de determinados jovens, movidos pelo efeito excessivo principalmente no consumo de álcool, a organização da festa tem que preparar um esquema especial de segurança com policiamento reforçado, detectores de metais e monitoramento eletrônico em todo circuito da festa, para que possa proporcionar ao folião de Ipirá e de toda região, muita segurança e tranquilidade.

Outro fato que chama a atenção, é a quantidade de adolescentes consumindo bebida alcoólica nestas festas públicas e até mesmo particulares, sem nenhuma intervenção do Conselho Tutelar e do Juizado da Infância e Adolescência. Nem mesmo uma portaria estabelecendo regras e punições quanto à venda de bebida alcoólica a adolescentes é observada nestes eventos.

Fonte: Caboronga Notícias com imagem ilustrativa

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Prefeito de Mundo Novo-BA, Dr. Adriano participa dá entrega das viaturas com Rui Costa, em Ruy Barbosa

Fonte: Coisas do Jacuipe

Em pleno Carnaval as máquinas não param na limpeza do Açude de Baixa Grande

Iniciada no dia 13 de fevereiro de 2017 a obra de revitalização do açude na localidade de Pecuária em Baixa Grande chama atenção da comunidade pelo acúmulo de lama, rapidez e dedicação nos trabalhos, os trabalhadores segue de domingo a domingo e nem mesmo no feriado de Carnaval a equipe de Trabalho param, o Portal Bacia do Jacuípe foi até a aguada nesta terça-feira, encontrou 11 caçambas e 8 máquinas trabalhando, as máquinas se concentram na parte mais funda do açude onde a lama acumulada chega a 4 metros.

O aposentado João Queiroz conta que morava no distrito de Italegre, e sempre passava ao lado da aguada, ele conta que nestes 50 anos é a primeira vez que aguada é limpa, “já é alguma coisa para o novo prefeito, entrou agora e já tem muitas coisas feitas em sua administração”. Conta João

REPORTAGEM EM VÍDEO



O diretor de estradas e rodagens, Jurandir Oliveira, conta que está acontecendo uma das melhores ações do governo, ele conta que este açude tem aproximadamente 87 anos de cava…

Homem é assassinado a tiros em Tapiramutá

Givaldo Pereira dos Santos, 29 anos, conhecido como Nego Zinho, foi assassinado com disparos de arma de fogo na noite desta segunda-feira, 17 de abril de abril 2017, na cidade de Tapiramutá.

Segundo informações, três elementos encapuzados chegaram abordo de um carro preto em um bar e efetuaram vários disparos contra Givaldo, que morreu no local.

Ainda de acordo com informações, um jovem de 21 anos identificado como Marcos Cardoso que estava no local também foi atingido com um tiro de raspão na região da orelha, sendo atendido no hospital local e em seguida liberado.

Não há informações sobre a motivação do assassinato. A Polícia Militar esteve no local guardando a cena do crime e o corpo foi recolhido pelo Departamento de Polícia Técnica para o IML de Jacobina.



Fonte: Augusto Urgente